Artistas que você TEM que conhecer: Chiharu Shiota

Mulheres e Artes Cênicas
outubro 28, 2015
Você já fez um Canvas?
novembro 4, 2015
Ver tudo

Artistas que você TEM que conhecer: Chiharu Shiota

Chiharu Shiota é uma artista japonesa, nascida em 1972, em Osaka. Estudou no Japão e na Alemanha. Tem o apelido de “mulher-aranha”, pois usa fios em suas instalações e cenários.

MF SÃO PAULO/SP - 01/09/2015 - CHIHARU / SESC - CADERNO 2 - A artista japonesa, Chiharu Shiota, em uma de suas obras que estão sendo montadas no Sesc Pinheiros. FOTO: MÁRCIO FERNANDES/ESTADÃO

MF SÃO PAULO/SP – 01/09/2015 – CHIHARU / SESC – CADERNO 2 – A artista japonesa, Chiharu Shiota, em uma de suas obras que estão sendo montadas no Sesc Pinheiros. FOTO: MÁRCIO FERNANDES/ESTADÃO

Chiharu Shiota começou sua carreira como pintora. Aos 24 foi para Hamburgo. Aprendeu performance com a artista Marina Abramovic, e começou a lidar com sua arte por meio das teias  que sustentam objetos em suas instalações monumentais.

A artista japonesa está com a exposição “Chiharu Shiota- Em busca do destino”, em São Paulo, com entrada franca! No Sesc Pinheiros, pertinho do metrô Faria Lima, você pode conferir a Chiharu até o dia 10.01.2016.

É a primeira exposição da artista na América Latina e a curadoria é da historiadora Teresa Arruda

cartas_de_agradecimentos_2

Instalação “Cartas de Agradecimento”

Olha só o q e saiu no Catraca Livre:

 “Com curadoria da historiadora de arte Tereza de Arruda, a mostra abriga três obras que traçam um percurso expositivo continuado em diferentes espaços da unidade e discutem questões como memórias e trajetórias.Uma delas, denominada “Além dos continentes”, fica localizada na faixada do Sesc, podendo ser vista por qualquer pessoa, dentro ou fora da unidade. Essa instalação que representa a trajetória da vida é formada por 300 pares de sapatos doados pelo público, suspensos em fios de lã vermelhos e alinhados na mesma direção.

Para esta experiência, Chiharu, como costuma fazer em seus projetos mundo afora, convidou pessoas de todas as idades a doarem sapatos e cartas manuscritas com mensagens de agradecimento, somados a um acervo de malas garimpadas pela artista na Alemanha, onde vive desde 1996.”

Instalação "Acumulação"

Instalação “Acumulação”

O bacana do trabalho dessa artista é a visão poética que ela propõe sobre objetos cotidianos. Inclusive ela destaca que usa os objetos não como “objetos conceituais”, para introduzir um conceito e sim como representação de algo real.

Muito bacana! Além de tudo é no SESC Pinheiros que tem uma comedoria bem gostosa e acessível!

alem_dos_continentes

Instalação “Além dos Continentes”

Fica a dica!!!

Até mais!

Priscilla Leal

_MG_0162 Sou atriz, advogada e gestora cultural. Reuni as três atividades neste espaço virtual, para criar um lugar de divulgação e compartilhamento de trabalho das mulheres artistas. Acredito na importância deste espaço para destacar essas mulheres e sua relação com a arte. Também acredito na profissionalização da(o) artista e da(o) produtor(a) cultural, por isso trago no blog informações jurídicas, que estão envolvidas na atividade artística, além de informações de produção e gestão cultural. Idealizei e executei o seminário “Mulheres Artistas na Ditadura”, na Caixa Cultural São Paulo, em 2014.

Leia Maissine o Estadão All Digital + Impresso todos os dias
Siga @Estadao no Twitter

Priscilla Leal
Priscilla Leal
Sou atriz, advogada e gestora cultural. Reuni as três atividades neste espaço virtual, para criar um lugar de divulgação e compartilhamento de trabalho das mulheres artistas. Acredito na importância deste espaço para destacar essas mulheres e sua relação com a arte. Também acredito na profissionalização da(o) artista e da(o) produtor(a) cultural, por isso convidei mulheres de diversas áreas para escreverem para nós. Idealizei e executei o seminário “Mulheres Artistas na Ditadura”, na Caixa Cultural São Paulo, em 2014.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *